Babydolls

Entre nesta secção e mergulhe num mundo de fantasia e imaginação. Os nossos babydolls vão transformar-se no melhor protagonista dos jogos mais sensuais. Gosta do babydoll clássico de cor preta? Ou prefere de outras cores? Talvez transparente? Com abertura frontal? Só um babydoll ou acompanhado por outras peças para fazer um conjunto sexy? Tules, rendas, chiffon... Conheça um mundo insinuante, elegante e divertido graças à EroticFeel. Aqui poderá desfrutar dum grande catálogo de babydolls para mulher, da melhor qualidade. De que está a espera para escolher o seu?

Procura uma peça provocante, quer estar e sentir sexy, sair da rotina, mas a oferta de roupa erótica parece-lhe grande demais. Procurou na net e deparou-se com quatro milhões de resultados. Não se preocupe. Sabemos do que precisa. Há já várias décadas que o babydoll anda a seduzir metade do mundo sem sair da moda, e deve ser por uma boa razão. Os clássicos nunca morrem e o babydoll é um clássico por mérito próprio. Saltou das montras das retrosarias mais arrojadas para os dormitórios na década de 40, mas foi a estreia do filme 'A voz do desejo’ (“Baby Doll”, na versão original) em 1956 que lhe deu o impulso definitivo. O cinema, mais uma vez demonstrava a sua capacidade para engrandecer, caluniar e até mesmo renomear o que lhe apetecer. A maior parte das vezes sem o procurar.

Assim, o filme de Elia Kazan mostrava a uma jovem de 17 anos casada com um homem muito mais velho do que ela e enfeitada, em muitas das cenas, com esta camisa de noite com pouco tecido para a moral da altura. Como era de esperar, a polémica chegou e alguns países proibiram a sua emissão, mas esta provocante, decotada e curta camisa de noite já fez furor suficiente para conquistar o mundo.

Entre nesta secção da sex shop online EroticFeel e poderá ver todo o nosso catálogo de babydolls para mulher. Com distintas cores, tecidos e estilos, o babydoll continua a ser a estrela da lingerie erótica. Quer conferir?

Babydolls sexys para mulher

Mais escaldantes e sexys, os babydolls actuais afastaram-se daqueles primeiros modelos em cores pastel confeccionados em cetim ou seda. A lingerie reinventa-se para se elevar aos altares da moda, mas o vermelho e o preto continuam a ser as cores da sedução mais íntima.

Normalmente acompanhados de cuecas, culotte ou tanga, aqui encontrará modelos sofisticados e insinuantes, elegantes, divertidos e mesmo aqueles que deixam pouco para a imaginação. Tudo depende do que esteja a procurar e para que momento. Com decote halter, de alças, com aberturas frontais ou laterais, com costas descobertas... As possibilidades são infinitas. Não se sentirá apenas sexy, mas também cómoda e confiante; e isso, acredite, é essencial para se ver atraente e desejável.

O tecido é um dos elementos-chave na roupa erótica. Concordamos em que o cetim não é o mesmo que a flanela. Consegue imaginar um babydoll de bombazina? Se calhar um pouco desconfortável, sobretudo se se molhar. É melhor optarmos por rendas, chiffon, tules e transparências. Tecidos mais leves e agradáveis que se tornarão a sua segunda pele. Garantimos que quando o usar não vão deixar que fique muito tempo com ele vestido.

Como nasceu o babydoll?

Como em tudo o que é importante, nisto também não chegamos a acordo. Dois países disputam a originalidade da ideia que revolucionou o conceito de roupa interior. Para os norte-americanos o babydoll foi o grande invento da estilista Sylvia Pedlar. Segundo a versão estado-unidense, Pedlar interpretou como pôde a escassez de tecido durante a Segunda Guerra Mundial. Porém, a Própria Pedlar negou esta versão assegurando que a intenção dela era dar as boas vindas como deve ser aos corajosos combatentes no seu regresso da frente.   E que melhor maneira para isso que esperá-Ios à porta com um babydoll sexy?

Para os franceses, pelo contrário, o babydoll chama-se ‘nuisette’ e é tão gaulês quanto o Astérix. Eles apontam à designer Nancy Mecher como a sua primeira e única criadora. Seja como for, a ideia, americana, francesa ou polaca, foi um sucesso que subsiste, reinventado até aos nossos dias.

Para reacender a paixão, para a manter, para uma noite incrível ou para fazer com que todas as noites o sejam, o babydoll é um êxito garantido. Não deixe que acabe a lua de mel!

Está a navegar na EroticFeel desde Estados Unidos e temos um site específico para esse país. A partir desta versão não realizamos envios para Estados Unidos, para isso deverá mudar de versão. Quer continuar a navegar na EroticFeel ou prefere mudar para o site de Estados Unidos?