Sila da LELO, uma verdadeira ode ao clitóris para gritar "Eureka!”

EroticFeel 23/11/2020

“A sexualidade feminina foi confinada na vergonha e na ignorância desde o início dos tempos. Portanto, não é surpresa que as pessoas não conheçam a anatomia do clitóris. É nossa herança cultural” Maldito e infame legado, alguns herdam títulos e palácios e nós mulheres, a honra do obscurantismo. Teríamos preferido um terreno para plantar batatas, na verdade. Eles gostam de penetrar e nós, obviamente, temos de gostar de ser penetradas, que parvoíce é essa do clítoris, um pontinho anódino através do qual nada pode ser inserido. Ora bem, preparem-se, pois acontece que o fantástico órgão que foi repudiado, denegrido, condenado ao esquecimento e, no pior dos casos, mutilado (uma atrocidade que ainda é praticada em algumas partes do mundo) esconde toda a magia do prazer no seu interior. O famigerado botãozinho (no melhor sentido do termo) não é tal coisa. Muito mais do que aquilo que vemos, mede entre 8 e 12 centímetros, tem o dobro de terminações nervosas do que a glande do pénis, especificamente 8.000, e é o único órgão humano que serve exclusivamente para nos fazer felizes. Mas será que lhe damos a atenção que requer? Julgai por vós próprios. De acordo com um estudo em que participaram 52.000 americanos publicado em 'Archives of Sexual Behaviour’ em 2018, 95% dos homens heterossexuais chegam ao orgasmo em companhia, algo que apenas 65% das mulheres heterossexuais conseguem.

Numa ilustração da conhecida cartunista espanhola Flavita Banana pode-se ver uma rapariga a olhar para os seus genitais com um sugador de clitóris na mão enquanto exclama “e pensar que foi o capitalismo que te trouxe à luz!”. O desenho não poderia ser um retrato melhor da realidade que estamos a viver. A indústria dos brinquedos sexuais normalizou a masturbação feminina, a estimulação do clitóris, as conversas sobre o tema, fez correr rios de tinta em publicações de todo o tipo, colocou o assunto sobre a mesa e o prazer ao seu alcance. O LELO Sona foi e ainda é um sucesso esmagador, é um dos sugadores de clitóris mais vendidos no mundo, com a peculiaridade acrescida de ser também um brinquedo de luxo, tal como todos os produtos concebidos pela marca sueca. Porque quando chegamos ao ponto de adquirir um estimulador de clitóris com efeito de sucção, queremos algo que nos faça acreditar novamente na magia, e para o conseguir, a LELO dá mais uma vez um passo em frente e apresenta Sila.

Já o experimentámos? É claro que sim. Este pequeno e giro sugador de clitóris, parecido com um búzio, tem-nos cantarolado cantos de sereia. Inspirado pela tecnologia Sona, tem um bocal muito mais largo para um estímulo total do clítoris. Sem necessidade de contacto directo e através de ondas sónicas que se movem ao ritmo de oito padrões diferentes, o prazer transborda para o próprio centro da terra. Começa com um ligeiro murmúrio, uma cócegas que desperta os sentidos para se moverem em direcção a pulsos tão poderosos que parecem ser obra do próprio Bonham de Led Zeppelin.

Recarregável, totalmente submergível para banhos mais inspiradores do que os de Arquimedes, e silencioso para o prazer mais discreto, o Sila é feito de silicone médico hipoalergénico tão suave que o prazer começa com um simples toque. A LELO estudou cuidadosamente a anatomia feminina, concebendo o derradeiro objecto de prazer. Deixe-se mimar e você também gritará "Eureka! Prometemos.

Se está à procura de mais referência, é assim que a sexóloga e escritora Valerie Tasso define esta pequena jóia:

Não é apenas mais um massageador de clitóris, como se poderia pensar... Embora utilize ondas sónicas como o SONA 2 CRUISE, de modo a não haver contacto directo com o seu clitóris e poder mesmo estimular a parte interior deste órgão de prazer, tem uma característica não negligenciável: a sua boca é maior e mais larga que a do SONA, pelo que cobre uma zona maior da área íntima, para além do seu clitóris e pode percorrer toda a sua plataforma orgásmica como desejar.

Quando experimentei SILA, comecei inevitavelmente a compará-lo com o SONA 2 CRUISE. Um não é melhor do que o outro. São diferentes e, porque não, complementares. O SILA proporciona um estímulo mais suave e progressivo, para o meu gosto, para fazer com que chegue a um orgasmo muito sensual. Chamo-lhe "caracol" porque a sua forma me faz lembrar aquele molusco, pela sua forma redonda mas também porque a sensação de prazer que se tem com o SILA sobe em espiral, como as espirais que desenham a concha do caracol. Além disso, sente-se tão suave ao toque graças ao silicone médico ultra-suave antibacteriano da LELO, que é um prazer tê-lo na mão e entre as pernas.

Um truque para desfrutar duplamente: use o SILA para começar a masturbar-se. E depois continue com o SONA 2 CRUISE... se ainda não tiver alcançado o prazer. O que é bastante improvável, honestamente! ;-)

Está a navegar na EroticFeel desde Estados Unidos e temos um site específico para esse país. A partir desta versão não realizamos envios para Estados Unidos, para isso deverá mudar de versão. Quer continuar a navegar na EroticFeel ou prefere mudar para o site de Estados Unidos?